Reduzir riscos, aumentar produtividade

A EnviEstudos disponibiliza um conjunto de serviços prestado por consultores experientes nas suas áreas de atuação com vista à melhoria das condições de trabalho. Estes serviços dividem-se essencialmente em:
· Serviços Externos de Segurança e Saúde no Trabalho, que englobam um conjunto de atividades como um todo, adaptados à realidade de cada organização
· Serviços Específicos de determinadas áreas da Segurança e Saúde no Trabalho que funcionam independentemente.

Análise de Incidentes / Acidentes de Trabalho

De forma a analisar a ocorrência de um acidente de trabalho a EnviEstudos desenvolveu uma metodologia, que para além de permitir o cumprimento dos requisitos legais, promove a melhoria das condições de trabalho e a sugestão de medidas que evitem a repetição das situações passíveis de provocarem novos acidentes.

Diretiva ATEX

A legislação relativa ao risco de explosão obriga a que as organizações abrangidas pela mesma adotem um conjunto de medidas, com o objetivo de garantir a segurança das pessoas, bens e ambiente.

A EnviEstudos, com larga experiência em segurança industrial, será o seu parceiro na garantia do cumprimento da regulamentação, realizando um serviço pormenorizado de identificação / classificação das diferentes áreas, que culmina na realização do Manual de Proteção contra Explosões.

Auditorias de Segurança

O serviço de auditorias permite às organizações ter uma avaliação externa e isenta das condições de trabalho de forma a garantir, no mínimo, o cumprimento da legislação e de modo a que possam ser fator de competitividade da empresa em vez de problemas em processos de inspeção:

  • Auditorias de Segurança Saúde no Trabalho (SST)
  • Auditorias de Conformidade Legal
  • Auditorias Internas ao Sistema de Gestão de Segurança e Saúde no Trabalho (SGSST)
  • Auditorias Internas ao Sistema de Gestão de Segurança para a Prevenção de Acidentes Graves (SGSPAG)
  • Auditorias ao Serviço de Manutenção de Extintores

A EnviEstudos dispõe de um conjunto de Técnicos Superiores de Segurança no Trabalho habilitados para identificar, avaliar e propor recomendações de melhoria das condições de trabalho nas organizações.

Identificação de Perigos e Avaliação de Riscos

A identificação de perigos e avaliação de riscos, para além de um requisito legal, constitui o documento base para a gestão das questões relacionadas com a segurança e saúde no trabalho, permitindo ao empregador adotar medidas necessárias para redução dos acidentes de trabalho e doenças profissionais.

Os técnicos da EnviEstudos recolhem os dados para identificação dos perigos inerentes a cada atividade / posto de trabalho, através de visita às empresas com a observação de práticas de trabalho, entrevistas in loco aos colaboradores sobre as suas práticas de trabalho, avaliação das condições envolventes (áreas de trabalho, estado de arrumação, meios de resposta a situações de emergência, etc.) e no histórico de acidentes de trabalho.

Após a identificação dos perigos inerentes a cada tarefa realizada e utilizando uma metodologia apropriada, considerando a consequência do perigo e a probabilidade de ocorrência, são calculados os riscos inerentes a cada atividade de forma a se poder estabelecer uma hierarquia de necessidade de intervenção.

Acompanhamento de Segurança em Obra

Sendo o setor da construção civil um dos que origina maior número de acidentes de trabalho, a EnviEstudos dedica especial atenção a esta área de atividade.

A EnviEstudos presta um serviço que promove o acompanhamento regular de obras de construção, de forma a que as organizações disponham, em cada fase da obra, das informações e das sugestões de melhoria com o objetivo de reduzir a sinistralidade laboral:

  • Elaboração de documentação necessária (Plano de Segurança e Saúde (PSS), Ficha de Procedimentos de Segurança (FPS), etc.), quer em Fase de Projeto, quer em Fase de Obra;
  • Prestação de serviços no âmbito de acompanhamento de Segurança;
  • Apoiar o empreiteiro no desenvolvimento do PSS em fase de obra;
  • Desenvolver fichas de procedimentos, planos de monitorização e prevenção e respetivos registos;
  • Promover o cumprimento do PSS por todos os subempreiteiros;
  • Divulgar informações sobre riscos profissionais e a sua prevenção;
  • Apoiar o Diretor de obra em todas as questões relacionadas com a SST;
  • Analisar as causas dos acidentes de trabalho;
  • Desenvolver a compilação técnica;
  • Desenvolver e promover ações de sensibilização e formação nas áreas de SST.
Estudos Ergonómicos e de Layout

A ergonomia como atividade que procura adaptar o trabalho ao homem revela-se de especial importância na prevenção de acidentes de trabalho.

Fundamentado em estudos ergonómicos ou de layout a EnviEstudos sugere às organizações a criação de locais de trabalho, determinação de tempos de trabalho e métodos laborais que promovam melhores condições para os colaboradores, melhores níveis de conforto e consequentemente maior rentabilidade.

Apoio em Processos de Remoção de Materiais contendo Amianto

A EnviEstudos colabora com os projetistas e donos de obra, na determinação das soluções técnicas mais adaptadas a cada projeto, no domínio da prevenção relacionada com riscos de exposição ao amianto.

Os técnicos da EnviEstudos apoiam as organizações no planeamento, monitorização e acompanhamento dos trabalhos de demolição ou remoção de amianto ou de materiais que o contenham, elaborando a documentação necessária.

No âmbito do acompanhamento dos trabalhos de remoção, a EnviEstudos desenvolve programas de formação específica adequada aos trabalhadores que vão executar as tarefas.

Formação nas Áreas de Segurança e Saúde no Trabalho

A EnviEstudos realiza ações de formação em qualquer uma das áreas de Segurança e Saúde no Trabalho.

Estas ações de formação são maioritariamente realizadas em contexto de trabalho mas também podem ser realizadas em sala ou de forma mista.

As ações de formação resultam na emissão de certificados de Formação Profissional.

Assessoria na Identificação e/ou Análise de Legislação de Segurança

O conhecimento de um normativo legal moderno e exigente é o primeiro passo a dar no sentido de evidenciar o seu cumprimento.

A EnviEstudos presta um serviço personalizado de identificação e análise de diplomas legais publicados em Diário da República (I e II Séries) e Jornal Oficial da União Europeia (JOUE). Os diplomas aplicáveis a uma organização, bem como a sua dentificação e análise, são enviados periodicamente em suporte digital ou noutro suporte a combinar entre as partes.

Verificação de Máquinas e Equipamentos de Trabalho

Ao abrigo da legislação em vigor relativa às prescrições mínimas de segurança e saúde para a utilização pelos trabalhadores de equipamentos de trabalho, as organizações devem proceder a verificações periódicas e, quando necessário, de instalação e extraordinárias dos equipamentos de trabalho.

A EnviEstudos, através de técnicos com formação teórica e experiência prática, desenvolveu um serviço que promove as verificações obrigatórias e que permite fornecer às organizações as medidas necessárias ao cumprimento das exigências legais em matéria de segurança de equipamentos de trabalho.

Os técnicos da EnviEstudos efetuam também a análise da conformidade de máquinas / equipamentos de trabalho com a Diretiva Máquinas.

Medidas de Autoproteção / Planos de Emergência

A ocorrência de acidentes que pela sua dimensão ou impacte, e que normalmente se traduzem em emergências, assumem um peso significativo nos custos de qualquer negócio, custos esses que se traduzem não só em unidades monetárias mas também em vidas humanas ou danos para o ambiente, com todos os prejuízos indiretos que lhes estão associados.

A EnviEstudos, de acordo com as prescrições estabelecidas no regime jurídico da segurança contra incêndio em edifícios, caracteriza as utilizações-tipo de cada edifício e define as respetivas categorias de risco. Com base nesta caracterização inicial, são identificadas e desenvolvidas as medidas de autoproteção a elaborar que poderão consistir em:

  • Registos de segurança;
  • Procedimentos / Plano de prevenção;
  • Procedimentos em caso de emergência / Plano de emergência interno;
  • Ações de sensibilização e formação;
  • Simulacros.

Os Planos de Emergência elaborados pela EnviEstudos permitem a resposta integral aos requisitos normativos.

Face ainda à obrigação dos estabelecimentos SEVESO apresentarem Planos de Emergência Internos ou Planos de Emergência Internos Simplificados, os técnicos qualificados da EnviEstudos elaboram Medidas de Autoproteção adaptadas a cada caso, dando cumprimento à legislação de segurança contra incêndio em edifícios e ao regime de prevenção de acidentes graves.

Agentes Químicos, Físicos e Biológicos

O Código do Trabalho estabelece as seguintes obrigações nesta matéria:

  • o empregador deve assegurar que a exposição a agentes físicos, químicos e biológicos não constituem riscos para a saúde dos trabalhadores;
  • os serviços de segurança e saúde no trabalho devem promover o controlo periódico da exposição a agentes químicos, físicos e biológicos.

Nas normas e diplomas sectoriais são estabelecidas diretrizes (e em certos casos valores limite, de ação ou referência) para os diversos agentes, sejam eles ruído, ambiente térmico, iluminância, radiações, vibrações, parâmetros de qualidade do ar no local de trabalho, entre outros.

A EnviEstudos realiza avaliações para verificação da exposição profissional aos agentes químicos, físicos e biológicos.

As normas utilizadas são sempre reconhecidas e os equipamentos adequados e devidamente calibrados, sendo os resultados obtidos confrontados com os documentos legais pertinentes para cada caso.

Projetos de SCIE e Fichas de Segurança

O desenvolvimento de Projetos de Segurança Contra Incêndio em Edifícios (SCIE) permite às organizações a seleção de equipamentos e sistemas adequados e eficazes, no que diz respeito a quantidade, dimensão e posicionamento.

O regime jurídico de segurança contra incêndio em edifícios obriga a que seja elaborado Projecto de SCIE / Ficha de Segurança (consoante a utilização-tipo e a categoria de risco) para novos edifícios, no caso de obras de construção nova, de alteração, ampliação ou mudança de uso.

A EnviEstudos dispõe de colaboradores devidamente qualificados para desenvolver projetos de SCIE, incluindo projetos de sistemas automáticos de deteção de incêndio, extintores, sistemas de extinção, desenfumagem, sinalização de segurança, entre outros.

É garantida a elaboração e o acompanhamento do projeto desde a fase de elaboração até à sua aprovação.

Regulamentos REACH e CLP

Os regulamentos REACH e o CLP são regulamentos europeus que dizem respeito às substâncias e misturas químicas:

  • Regulamento REACH – relativo ao registo, avaliação, autorização e restrição de substâncias químicas
  • Regulamento CLP – relativo à classificação, rotulagem e embalagem de substâncias e misturas químicas

Estes regulamentos impõem obrigações a que ficam sujeitos os fabricantes; importadores de substâncias ou misturas; produtores ou importadores de artigos específicos; utilizadores a jusante, incluindo formuladores e reimportadores e distribuidores, incluindo retalhistas.

A EnviEstudos conta com técnicos especialistas nesta área, que prestam os serviços de:

  • Avaliação da conformidade legal das fichas de dados de segurança;
  • Apoio na interpretação da rotulagem das substâncias e misturas perigosas;
  • Aplicabilidade das obrigações às empresas, de acordo com os respetivos papéis na cadeia de abastecimento;
  • Entre outros.
Avaliação de Riscos Psicossociais

Com as mudanças significativas que ocorreram no mundo do trabalho, resultantes das modificações no contexto económico e social, registou-se o aparecimento de novos riscos no âmbito da segurança e saúde no trabalho nomeadamente, os riscos psicossociais.

Pelo impacto prejudicial que estes riscos podem ter na qualidade de vida, saúde e nas economias dos países, a Organização Internacional do Trabalho enfatiza a necessidade de se proceder à avaliação dos mesmos. Não obstante, esta avaliação de riscos constitui também um requisito legal, de acordo como o regime jurídico da segurança e saúde no trabalho.

A principal mais valia relacionada que advém da implementação destas metodologias de avaliação psicossocial, inclui a possibilidade de definir medidas preventivas face aos fatores de risco identificados e, por conseguinte, incrementar a melhoria das condições de trabalho.

Os técnicos da EnviEstudos, através de metodologias adequadas (Copenhagen Psychosocial Questionnaire –  COPSOQ), identificam os fatores de risco psicossocial e realizam a quantificação do nível de risco, servindo a mesma para construir um plano de ações preventivas e corretivas que potencie uma gestão do risco psicossocial eficaz.

Avaliação Qualitativa de Riscos Químicos

O diploma que estabelece as prescrições mínimas em matéria de proteção dos trabalhadores contra os riscos para a segurança e saúde devido à exposição a agentes químicos no trabalho, define que a entidade patronal tem obrigação de determinar a presença de agentes químicos perigosos no local de trabalho, de os eliminar e, quando isso não seja possível, de avaliar o risco que deles possam advir.

Esta avaliação do risco, que deverá ser registada e devidamente justificada,  é fundamentalmente um processo informativo e de estudo das propriedades perigosas dos agentes químicos presentes, assim como das condições em que se trabalha com eles, que permite determinar os riscos existentes, as pessoas expostas e os possíveis danos que podem ocorrer (incluindo a eventual existência de suscetibilidade individual) e avaliar finalmente a possibilidade de esses danos se concretizarem.

A EnviEstudos utiliza a metodologia de avaliação do risco “COSHH Essentials” (COSHH – Control of Substances Hazardous to Health), elaborada pela HSE (Health & Safety Executive) do Reino Unido, para determinar as medidas de controlo adequadas à operação que se está a avaliar .

Serviços Externos de Segurança e Saúde no Trabalho

A EnviEstudos encontra-se autorizada para a prestação de Serviços de Segurança no Trabalho, pela Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT).

O Despacho Conjunto dos Srs. Ministros do Trabalho e da Solidariedade Social e da Saúde atribui a autorização para a prestação dos referidos serviços num vasto número de sectores de atividade económica e em alguns sectores de atividade considerados, à luz da atual legislação, de riscos elevado, nomeadamente:

  • Atividades de indústrias extrativas;
  • Atividades que envolvam a utilização ou armazenagem de quantidades significativas de produtos químicos perigosos suscetíveis de provocar acidentes graves;
  • Atividades que impliquem a exposição a radiações ionizantes;
  • Atividades que impliquem a exposição a agentes cancerígenos, mutagénicos ou tóxicos para a reprodução
  • Atividades que impliquem a exposição a agentes biológicos do grupo 3 ou 4;
  • Trabalhos que envolvam risco de silicose;
  • Trabalhos em obras de construção, escavação, movimentação de terras, de túneis, com riscos de quedas de altura ou de soterramento, demolições e intervenção em ferrovias e rodovias sem interrupção de tráfego.

Este serviço, adaptado à realidade de cada organização, cumpre todos os requisitos do Código do Trabalho e legislação de desenvolvimento vigente e inclui:

  • Planeamento da prevenção, integrando a todos os níveis, a avaliação dos riscos e as respetivas medidas de prevenção;
  • Identificação de perigos e avaliação de riscos das atividades;
  • Elaboração do plano de prevenção de riscos profissionais, bem como planos detalhados de prevenção e proteção;
  • Participação na elaboração das medidas de autoproteção (plano de prevenção/plano de emergência interno) e coordenação das medidas a adotar em caso de perigo grave e iminente;
  • Colaboração na conceção de locais, métodos e organização do trabalho, bem como na escolha e na manutenção de equipamentos de trabalho;
  • Supervisão do aprovisionamento, da validade e da conservação dos equipamentos de proteção individual, bem como das instalações e da manutenção da sinalização de segurança;
  • Vigilância das condições de trabalho de trabalhadores em situações mais vulneráveis;
  • Conceção e desenvolvimento do programa de informação/formação para a promoção da segurança no trabalho;
  • Apoio nas atividades de informação e consulta dos representantes dos trabalhadores para a segurança e saúde no trabalho ou, na sua falta, dos próprios trabalhadores;
  • Acompanhamento da execução das medidas de prevenção, promovendo a sua eficiência e operacionalidade;
  • Organização dos elementos necessários às notificações obrigatórias;
  • Elaboração das participações obrigatórias em caso de acidente de trabalho ou doença profissional;
  • Coordenação ou acompanhamento de auditorias e inspeções internas;
  • Análise das causas de acidentes de trabalho ou da ocorrência de doenças profissionais, elaborando os respetivos relatórios;
  • Recolha e organização dos elementos estatísticos relativos à segurança e à saúde no trabalho.
Simulacros para Resposta a Emergência

Este tipo de serviço foi especialmente configurado pela EnviEstudos para permitir realizar, de forma simples e com apenas um interlocutor, uma tarefa que é tecnicamente complexa e que pode envolver muitos intervenientes.

A realização de simulacros é feita mediante um planeamento prévio de cenário a simular, coordenação de meios a afetar (incluindo bombeiros e/ou outros meios externos), acompanhamento do simulacro (com uma equipa de observadores no terreno) e dá origem no final a um relatório do simulacro e respetiva apresentação à empresa e aos seus trabalhadores.

Este serviço permite testar periodicamente os meios de resposta a diferentes cenários de emergência e desta forma contribuir para o cumprimento de requisitos normativos e do Regime Jurídico de Segurança Contra Incêndio em Edifícios.

Sistemas de Consignação de Máquinas e Equipamentos de Trabalho

O uso de equipamentos de trabalho envolve um conjunto de perigos suscetíveis de originar acidentes graves, sobretudo na área da manutenção, relacionados, na sua maioria, com as formas de energia de alimentação.

Através de um serviço de consultoria de técnicos especializados da EnviEstudos, é possível identificar os locais de abastecimento de energia dos equipamentos e sistemas existentes nas organizações que, quando intervencionados, oferecem algum tipo de risco associado a esses elementos, por não se encontrarem devidamente bloqueados, e recomendam os elementos de consignação mais apropriados a cada caso, elaborando instruções específicas de consignação.

Implementação de Sistemas de Gestão da SST

A implementação de Sistemas de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho (SST) para a Certificação (OHSAS 18001 / NP4397) permite às organizações assumir a segurança e saúde como um sub-sistema da sua gestão global, rentabilizando os investimentos feitos, melhorando o desempenho e assegurando, através da aplicação de requisitos normalizados e internacionalmente reconhecidos, a visibilidade externa que a certificação concretiza.

Os consultores da EnviEstudos são técnicos especializados com larga experiência na implementação de sistemas, formação, normalização e que por outro realizam também auditorias para entidades certificadoras, factos que garantem o conhecimento de todo o processo de certificação e sucesso dos projetos em que estão envolvidos.

Trabalhamos de forma a que os requisitos da norma se adaptem a cada organização e não o contrário.

ADR – Transporte de Mercadorias Perigosas por Estrada

Todas as empresas que realizam operações de embalagem, enchimento, carga, descarga ou transporte de mercadorias perigosas estão obrigadas ao cumprimento do ADR, no entanto existem vários tipos de isenções. Definir se o transporte está isento ou quais as prescrições do ADR que se aplicam a cada situação específica é algo complexo. Os especialistas da EnviEstudos estão aptos para definir as prescrições do ADR que são aplicáveis e nomeadamente se tem ou não obrigatoriedade de nomear um Conselheiro para a sua empresa.

A EnviEstudos integra na sua equipa colaboradores com Certificado para o exercício da função de Conselheiro de Segurança, permitindo às empresas com obrigação de nomearem um Conselheiro o cumprimento integral da legislação nesta matéria e a minimização do risco de acidentes assegurando que os transportes sejam realizados nas melhores condições de segurança possíveis, bem como evitar a aplicação de coimas cujos valores podem ascender a vários milhares de euros.